Frases Soltas do Pensador (www.pensador.info)

sexta-feira, 3 de abril de 2015

Meu Querido John - Ou uma tarde ouvindo todas as suas músicas


Ela adorava aqueles olhos oblíquos, escondidos atrás dos óculos.
Aquele sorriso meio maroto, aqueles traços finos, parecendo desenhados.
Aqueles cabelos esvoaçantes que, naquele dia, sobre o telhado do edifício, o faziam parecer imortal.
Aquela voz, ora rouca, ora grave, que ecoava indo além dos seus sonhos, calando em sua alma.
Ela sentia como que uma ligação, um elo que os unia, uma emoção que a tomava quando ouvia suas canções.
Ela lembrava do dia em que ele se foi, mesmo sendo apenas um bebê naquela época, aquela foi sua primeira lembrança.
Não tentem entender...
Ela sentia, de forma meio inexplicável e irracional, que estava ligada a ele...que o encontraria.
Ele pediu "Imagine", ela imaginou, ele suplicou "Don't Let Me Down" e "Stand By Me", ela teria estado lá para apoiá-lo. Porém quando ele sentenciou "The Dream Is Over", ela se recusou a aceitar...pelo menos para ela os sonhos viveriam sempre e ele viveria dentro desses sonhos.
Ela foi Julia, Prudence, Sadie, Michelle, Lucy, todos os nomes...ela foi Cynthia, foi Yoko, mas, acima de tudo, foi ela mesma, dentro da sua adoração por ele.
Ela deu prosseguimento à geração que o conheceu e se recusou a adorá-lo, simplesmente pela moda, como alguns que vieram...sua devoção era genuína...com um pouco de ciúmes também.
Ela adorava aquele ar irônico que ocultava uma profunda carência, uma certa tristeza, ela adorava seu ativismo, ela se inspirava nele e só não perdoava seus pecados porque achava que ele estava acima de tudo isso.
Ela tinha um livro com trezentas de suas cartas e se perdia em sua caligrafia, sentindo sua energia, como se as suas mãos tivessem acabado de traçar aquelas linhas.
Ela sabia tudo sobre ele, mas ela sabia tão pouco, porque ela queria mais, muito mais do que sabia...queria tê-lo, queria sê-lo, queria respirá-lo. Queria trazê-lo de volta à vida para que pudesse estar, ao menos, por um minuto ao seu lado.
Seu nome significava renascida, mas, ela queria que o renascido fosse ele...apenas ele...John Lennon!!!